Um dos grandes clássicos da Broadway, ‘Peter Pan’ finalmente ganhará uma montagem brasileira, com Daniel Boaventura no papel de Capitão Gancho. Os demais nomes do elenco serão escolhidos através de audições. O espetáculo tem direção de José Possi Neto e estreia prevista para o primeiro semestre de 2018, em uma produção da Fábula Entretenimento, com apresentação do Ministério da Cultura e Bradesco, com patrocínio do Banco Bradesco, da Nestlé, BNY Mellon e Multiplan.

 

A montagem de ‘Peter Pan’ é um sonho antigo da produtora Renata Borges, que já trouxe ao país outros clássicos, como ‘Cinderella’ (de Rodgers & Hammerstein´s), ‘Sim, eu aceito’ e ‘Como eliminar seu chefe’. “É a primeira vez que Peter Pan, o original da Broadway, será encenado no Brasil. Faremos uma montagem nossa, não é uma franquia, mas com toda a grandiosidade que o espetáculo pede, traremos os técnicos de efeitos especiais e voos da Broadway”.

As audições foram realizadas em São Paulo, de 21 a 24 de Agosto. A equipe que participou da seleção foi composta pela produtora Renata Borges, José Possi Neto, Daniel Boaventura, Maria Neto (responsável pela seleção de elenco), o diretor musical Carlos Bauzys, o coreógrafo Alonso Barros e Bianca Tadini (autora da versão nacional do espetáculo).

‘Peter Pan’ chegou à Broadway em 1954, e venceu três Tony Awards, incluindo melhor ator (Cyril Ritchard, o Capitão Gancho) e atriz (Mary Martin), que interpretou Peter Pan, seguindo uma tradição de mulheres no papel-título do espetáculo. No Brasil, porém, a montagem procura um homem para viver Peter Pan. O musical é uma adaptação da peça de J. M. Barrie, de 1904, (que gerou também o livro ‘Peter e Wendy’). A música do original da Broadway é de Mark Charlap (com música adicional de Jule Styne) e a letra é de Carolyn Leigh (com letra adicional de Betty Comden e Adolph Green).